COMIDINHA ESPERTA

Gás total

Os alimentos certos fazem seu treino render muito mais. Conheça as estrelas do cardápio para turbinar sua malhação e melhorar sua performance

Abacate
A gordura monoinsaturada da fruta mantém o corpo forte e sem dores. Uma pesquisa da Universidade de Búfalo, nos EUA, revelou que corredoras que participam de competições e preenchem menos de 20% do cardápio com gorduras boas têm mais risco de se machucar do que quem reserva ao menos 31% para o nutriente. Segundo Peter J. Horvath, professor da instituição, dietas radicais enfraquecem músculos e articulações. “Uma porção diária garante a cota”, diz Leslie Bonci, do Centro Médico da Universidade de Pittsburgh, nos EUA.

Amendoim
Eis o segredo das jogadoras de futebol para correr no fim do segundo tempo com a mesma intensidade do inicio da partida. Elas comem 50 gramas, cerca de 1/3 de xicara, de amendoim diariamente. A gordura do alimento ajuda a aumentar a resistencia. “O nutriente fornece energia rapida aos musculos; assim eles podem guardar o combustivel, na forma de glicogenio, para usar mais tarde”, revela Peter J. Horvath.

Banana
A banana dá energia de sobra — gracas a alta quantidade de potassio (400 miligramas). Estudos comprovaram que esse mineral pode dar fim as caibras por repor a perda de sais, provocada pelo suor, e ajudar na absorcao dos liquidos. A banana e repleta de carboidratos — contem 30 gramas, o equivalente a duas fatias de pao integral. nutricao-gastotal-03

Cenoura
“Esse legume é rico em betacaroteno, um antioxidante que combate a ação dos radicais livres produzidos pelo exercício”, diz a nutricionista Adriana Kobayashi, da Equilibrium Consultoria em Nutrição e Bem- Estar, de São Paulo. “Além disso, ela é fonte de potássio, que auxilia no controle da pressão sanguínea e nas contrações musculares.” Coma sem culpa: 1 xícara tem 35 calorias.

Cereal com leite
As versões integrais têm uma quantidade enorme de carboidratos complexos e proteínas construtoras de músculos. Uma hora antes de se exercitar, encha o tanque com um lanche de 200 calorias: ¾ de xícara de cereal integral e 100 mililitros de leite desnatado. “Um lanche balanceado antes da atividade física garante mais energia”, diz Leslie. Além disso, você ficará menos propensa a atacar a geladeira no fim do treino.

Coxa de frango
Repleto de ferro e zinco, esse corte lhe dará gás de sobra. Cozinhar coxas de frango ou peru é a melhor maneira de obter seus benefícios. “As aves possuem muito menos gordura do que a carne vermelha e contam com ferro, zinco e vitaminas do complexo B, importantes para mulheres”, diz Susan Kleiner, autora do livro Nutrição para o Treinamento de Força (Ed. Manole, 238 págs., R$ 89).

Frutas vermelhas
O Departamento de Agricultura americano incluiu as frutas vermelhas entre os 20 alimentos mais ricos em antioxidantes. Morangos, framboesas e amoras são excelentes fontes dessa substância que protege os músculos da ação dos radicais livres. Vá pela cor da casca: quanto mais intensa, mais saudável.

Grãos integrais
Esqueça a dieta do dr. Atkins — carboidratos são aliados de quem pratica exercícios. “Mas essa dica não vale para a versão simples nutriente. De cara, ela dá pique, mas pouco depois a disposição vai lá embaixo”, avisa Jackie Berning, professora de nutrição da Universidade do Colorado, nos EUA. Já os carboidratos complexos, presentes nos grãos integrais, estão liberados. Sua digestão é lenta, garantindo um fluxo constante de energia durante a malhação.

Homus
Carboidrato complexo, proteína e gordura insaturada, ou seja, todos os nutrientes necessários para dar um gás na malhação são encontrados nesse alimento que ainda tem poucas calorias: 3 colheres de sopa têm só 70. Se não bastassem todos esses atributos, esse prato árabe à base de grão-de-bico é feito com azeite de oliva, que contém ácido oleico — um tipo de gordura que, segundo estudos da Universidade de Northwestern, nos EUA, ajuda a bloquear um gene que é responsável por 20 a 30% dos casos de câncer de mama.

Iogurte
A presença dos probióticos que dão resistência ao sistema imunológico é um ponto positivo. Mas o melhor, para os malhadores, é que o iogurte aumenta a resistência sem fazer o estômago pesar no spinning. “Por ser líquido e digerido com rapidez, ele passa facilmente para o intestino”, diz Leslie Bonci.

Laranja
Elas são portáteis, podem ser encontradas o ano todo e são ricas em vitamina C, que ajuda a reparar o tecido muscular. Uma unidade tem cerca de 75 miligramas da substância, o suficiente para suprir a necessidade diária de uma mulher. A vitamina C auxilia na fabricação de colágeno, uma proteína que mantém os ossos fortes e a pele firme.

Leite com chocolate
Há mais benefícios no leite além do cálcio. “Na verdade, existe uma opção perfeita para lhe dar energia sem extrapolar na conta de calorias”, diz Susan Kleiner. Leite com chocolate é repleto de cálcio, vitaminas e minerais, e novos estudos revelam que a mistura de leite e cacau abastece e repara os músculos. “A dupla é poderosa, pois aumenta sua resistência e diminui a gula.”

Ovo
Não dispense a gema. Um ovo fornece 215 miligramas de colesterol, o que não é suficiente para fazer você chegar ao limite de 300 miligramas diários recomendado pela Associação Americana do Coração. “A gema é uma ótima fonte de ferro e de lecitina, uma substância indispensável para a saúde do cérebro”, diz Susan Kleiner. O que a saúde da massa cinzenta tem a ver com os exercícios físicos? Tente fazer uma postura avançada de ioga sem ele…

Queijo cottage
Apesar da aparência pouco apetitosa, ele é essencial para quem malha. Meia xícara do queijo tem 14 gramas de proteína, 75 miligramas de cálcio e 5 gramas de carboidrato. “A proteína cicatriza fissuras que os exercícios provocam nos músculos”, diz Amy Jamieson-Petonic, do Hospital Cleveland’s Fairview, nos EUA.

Salmão
Ele ajuda a manter a saúde do coração. Além disso, pesquisas sugerem que as gorduras monoinsaturadas e o ômega 3, presentes nesse peixe, auxiliam na redução da gordura abdominal. “A notícia é interessante para quem pretende reforçar a musculatura do abdômen, dos quadris e da região lombar”, diz Susan Kleiner.

Sementes de linhaça
Elas são cheias de fibras chamadas ligninas, que regulam o intestino. As sementes de linhaça têm fibras solúveis e insolúveis, por isso controlam suas idas ao banheiro. “Quem pratica atividade física intensamente pode ter prisão de ventre”, afirma Adriana Kobayashi. Duas colheres misturadas ao cereal ajudam a evitar o problema.

Bota pra mexer!!!

Misture os ingredientes a seguir para um mix perfeito de proteína, vitamina C e carboidratos. “Ele pode ser consumido antes ou depois da malhação”, diz Leslie Bonci.

½ banana média

1 embalagem de iogurte light (170 g)

½ copo de suco de laranja (120 ml)

½ copo de água (120 ml)

2 conchas de proteína de soro de leite

Por porção: 370 calorias, 2,5 g de
gordura, 1,5 g de gordura saturada,
160 mg de sódio, 52 g de carboidrato,
2 g de fibras e 35 g de proteína

Published in: on setembro 22, 2009 at 9:33 am  Deixe um comentário  
Tags: